Servidores de São José condicionam volta ao trabalho

Pode nem ter aumento salarial prometido em campanha, mas servidores de São José só voltam ao trabalho se a prefeita Adeliana exonerar parte dos comissionados

Servidores municipais de São José, em greve desde o mês passado, mantém a disposição de voltar ao trabalho sem aumento salarial sob uma condição: que a prefeita Adeliana Dal Pont pratique agora a redução de até 20% dos cargos comissionados.Segundo o sindicato da categoria é a única forma para a prefeitura se enquadrar nas despesas de custeio como manda a Lei de Responsabilidade Fiscal.

Esse assunto foi discutido na câmara municipal onde o vereador Clony Capistrano apresentou um levantamento de despesas com os comissionados indicados, em sua maioria, pelos vereadores. Clony diz que só com secretários adjuntos a prefeitura gasta, por ano,  mais de 1 milhão e 300 mil reais. Os salários são de 8 mil e 600 reais. Por nomeação da prefeita Adeliana Dal Pont os comissionados somam 519 cargos.

- Parceiro -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, informe seu nome