COM RECURSOS DO BRDE, COOPERATIVA AURORA AMPLIA PRODUÇÃO DE CARNE DE FRANGOS E SUÍNOS

O financiamento foi concedido durante a posse do governador Raimundo Colombo na presidência do CODESUL, o Conselho Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul.

O BRDE, Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul vai conceder financiamento de 50 milhões de reais para a instalação de duas unidades de abate de frangos e suínos pela Cooperativa Central Aurora Alimentos. A contrapartida da cooperativa no projeto será de 108 milhões de reais. A Aurora conta hoje com 13 cooperativas afiliadas, que congregam mais de 72 mil famílias. A cooperativa tem 15 plantas de processamento de proteína animal, duas de laticínios, seis fábricas de rações. Nas suas unidades, em Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Paraná, trabalham mais de 26 mil colaboradores diretos. Mais oito mil pessoas trabalham nas cooperativas filiadas.O contrato foi firmado logo após o governador Raimundo Colombo assumir, nesta semana em Florianópolis, a presidência do CODESUL, O Conselho de Desenvolvimento do Extremo Sul que congrega os estados de Santa Catarina, Paraná, Rio Grande do Sul e Mato Grosso do Sul.
A Aurora passa a ser proprietária dos ativos antes arrendados da Cotrel, em Erechim, no Rio Grande do Sul. A Unidade de Abate e Industrialização de Suínos tem capacidade para processar 418 mil cabeças/ano, e a Unidade de Abate e Industrialização de Aves tem capacidade de 26,7 milhões de cabeças/ano. Os dois frigoríficos respondem em conjunto por 7,8% da receita operacional bruta do conglomerado Aurora e sustentam 2.496 empregos diretos, que representam R$ 52,3 milhões em salários e R$ 11,6 milhões em encargos sociais.
O vice-presidente da cooperativa, Neivor Canton, explica que a incorporação será imediata, com a continuidade normal das atividades que vinham sendo desenvolvidas. “Temos um compromisso com os nossos cooperados e com os empregos. São mais de 2,4 mil famílias impactadas pela compra, que terão sua renda garantida”, explica.De acordo com a diretoria do BRDE, Aurora Alimentos tem mantido estreita relação com o Banco nas suas demandas por crédito de longo prazo. Além de operar nos quatro estados do CODESUL, a cooperativa tem demonstrado sua capacidade de geração de emprego e renda, favorecendo a manutenção dos agricultores familiares, seus cooperados, no campo. A diretoria do banco avalia que é muito importante para a economia da Região Sul que os produtores rurais busquem agregar valor à sua produção. As cooperativas têm investido em unidades de processamento e beneficiamento, contribuindo para o desenvolvimento econômico da região Sul.De 2011 a 2016, o BRDE financiou cerca de R$ 5 bilhões para cooperativas de produção dos três estados do Sul. Deste montante, as cooperativas de SC financiaram mais de R$ 1,3 bilhão, as do Paraná financiaram cerca de R$ 2,7 bilhões e as gaúchas mais aproximadamente R$ 1 bilhão.

- Parceiro -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, informe seu nome