RESSACA DERRUBA IMÓVEIS EM ÁREAS DE PRESERVAÇÃO NAS PRAIAS DE fLORIANÓPOLIS

A natureza não perdoa invasão de áreas ambientais.

A ressaca que atinge praias de Florianópolis já causou desmoronamentos de muros, cercas e imóveis que, ao longo dos anos foram construídos sobre áreas de preservação ambiental. E a natureza, que não perdoa, veio e está “cobrando a fatura” de todas essas invasões. Proprietários de casas, bares e restaurantes estão cobrando providências da Prefeitura. Ora, que todos aqueles que, clandestinamente e fora da lei, ergueram imóveis sobre terras de marinha ou de preservação, que sigam agora em direção ao SPU e IBAMA e prestem “queixas” se é que têm direitos. Aliás, IBAMA e SPU tão rigorosos e proclamando leis, têm derrubado inúmeros projetos legais e autênticos para o desenvolvimento turístico de Florianópolis que façam a sua parte agora contra construções clandestinas. Que deixem, por exemplo, de “focar” sua dileta fiscalização contra ranchos de pescadores, de “peixes miúdos” e que ataquem sim, os “tubarões”.

- Parceiro -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, informe seu nome