UM SINDICATO QUE MANIPULA TODO O TRANSPORTE COLETIVO DA GRANDE FLORIANOPOLIS

Irracional, ridículo, sem-vergonhice, cinismo, são equações que representam muito bem a atuação de um sindicato (Sintraturb) que está castigando hoje mais de 200 mil pessoas que, na Região Metropolitana da Capital, dependem, exclusivamente, do transporte coletivo para cumprir compromissos, a maioria inadiáveis. Uma greve, capitaneada pelo sindicato sob um fato dito como protesto contra a reforma da previdência mas que, na verdade, se traduz em comício, simplesmente, político e eleitoreiro.

Por volta do meio dia, todos os acessos à Capital e demais cidades ficaram bloqueados por monstruosos engarrafamentos, todos programados para prejudicar a população. E, enquanto o transporte coletivo ficar nas mãos de um grupo só e facilmente manipulado por sindicatos, a região vai permanecer refém de sindicalistas e empresários facilmente manipulados. Se houvesse, invés do cartel que comanda o sistema público na Grande Florianópolis, outras empresas concorrentes, dificilmente, uma ação politiqueira como a de hoje colocaria em risco o direito do cidadão de ir e vir.

- Parceiro -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, informe seu nome