PREFEITURA ANUNCIA PROJETO PARA A MOBILIDADE URBANA DE FLORIANÓPOLIS

Se não fosse a submissão de vereadores, por vários anos, em "retalhar"planos diretores de Florianópolis para, com vantagens, facilitar a voracidade imobiliária, atualmente, os projetos de mobilidade urbana não seriam tão caros por necessidades de desapropriações de imóveis de custos milionários.

Dando início de fato contra um dos problemas mais cruciais e urgentes em Florianópolis que é a intervenção na mobilidade urbana e com recursos garantidos de 31 milhões de reais, através de financiamento da Caixa Econômica Federal, a Prefeitura de Florianópolis lançou hoje o edital para contratação da empresa que ficará responsável pela construção de parte do trecho Sul do corredor exclusivo do “Rapidão”, sistema de ônibus BRT, que faz parte da implantação do anel viário no entorno do Maciço do Morro da Cruz.

E, além desse projeto, a prefeitura já tem outros modelos para facilitar e priorizar o deslocamento dos ônibus em outros bairros da Capital mas os custos serão elevados porque “esbarram” em desapropriações de imóveis, muitos deles em áreas “abertas” pela politicagem de vários anos que se aproveitando ou emperrando a votação de um plano diretor decente e moderno pela Câmara Municipal, onde alguns vereadores e agentes públicos levaram vantagens para fechar os olhos perante à desordenada ocupação do solo na cidade.

Todos lembram que, numa das ações que caíram na malha policial, envolveu figurões tanto da iniciativa privada como do poder público, com a Operação Moeda Verdade comandada pela Polícia Federal.

NOVA FASE

E, mesmo frente aos obstáculos da ocupação desordenada na cidade, o prefeito Gean Loureiro decidiu pelo enfrentamento de fato contra o falta de mobilidade. E o lançamento hoje de um novo edital abrangendo várias áreas do Maciço do Morro da Cruz decorreu da rescisão no mês de dezembro do contrato que a administração municipal havia firmado em maio de 2016. O novo contrato vai priorizar as obras nas duas áreas do trecho Sul que no momento estão livres de desapropriações.

Trata-se de uma extensão de 1,3 km dos 300 metros que antecedem o trevo da Dona Benta, na Avenida Professor Henrique da Silva Fontes, na Trindade, à rótula da Eletrosul, entre a Rua Deputado Antônio Edu Vieira e a Avenida César Seara, no Pantanal, e outra de 1,9 km, do Armazém Vieira, entre a Rua Deputado Edu Vieira e a Avenida Prefeito Waldemar Vieira, no Saco dos Limões, e a saída Sul do Túnel Antonieta de Barros. Ao todo, elas somam 3,2 km.

O “RAPIDÃO”

A implantação do anel viário é tida como a maior intervenção de mobilidade urbana focada no transporte público coletivo da história da Capital. Até agora, foi executado parte do que estava previsto para o primeiro e o segundo segmentos do trecho, nas proximidades da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). No primeiro segmento, correspondente aos 300 metros que antecedem o trevo da Dona Benta, na Avenida Professor Henrique da Silva Fontes, na Trindade, 200 metros da nova pista, de concreto, está parcialmente pronta, uma vez que ainda será feito alargamento de faixa e construída estação dupla de embarque e desembarque, entre outras benfeitorias.

Já no segundo segmento, de aproximadamente mil metros entre o trevo da Dona Benta e a rótula da Eletrosul, na Rua Deputado Antônio Edu Vieira, já foi concluída a drenagem e a terraplenagem para a construção da nova pista.

O trecho Sul do anel viário vai dos 300 metros que antecedem o trevo da Dona Benta, na Avenida Professor Henrique da Silva Fontes, na Trindade, até a entrada do Terminal de Integração do Centro (TICEN), via Pantanal.

Para a execução de todo o anel viário, está previsto um investimento da ordem de R$ 162 milhões, valor que será financiado em sua totalidade pela CAIXA. Serão 17 quilômetros de sistema “Rapidão” com estações centrais, ladeado de uma pista com duas faixas nos dois sentidos, bem como de passeio e ciclovia – os quais serão revitalizados e implantados nos locais onde não houver, além de novas interseções nas interferências com o sistema viário local.

- Parceiro -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, informe seu nome