CHAPECÓ: PROGRAMA “CIDADE EMPREENDEDORA”

O próximo seminário do Plano de Desenvolvimento de Chapecó (PEDEM) está programado para esta segunda-feira, das 14h30 às 18h30, no Centro de Cultura e Eventos de Chapecó, e abordará o eixo “Turismo & bem-estar”.

A iniciativa faz parte de uma série eventos que discutem os setores enquanto geradores de riqueza e de desenvolvimento econômico e social do município e região.

A programação segue na terça-feira (17), das 7h40 às 12h30, com o seminário sobre o eixo “Agroalimentar”. No mesmo dia, das 18h30 às 22 horas, ocorrerá debate sobre “Integração & logística”. As atividades também incluíram encontros sobre “Indústria & bens de capital” e “Inovação & sustentabilidade”.

AÇÕES

O PEDEM integra as ações do Programa Cidade Empreendedora desenvolvido pelo Poder Público Municipal de Chapecó, em parceria com o Sebrae/SC. Seu objetivo é desenvolver a economia do município com base no planejamento dos eixos estratégicos para promoção do crescimento econômico e social de forma sustentável.

Para definir os eixos foram avaliados os dados do documento “Chapecó em Números” que apresenta informações sociais e econômicas locais e outras bases documentais.

Segundo o prefeito Luciano Buligon, esse Planejamento Estratégico de Desenvolvimento foi realizado por cidades, países e instituições que hoje são considerados cases de sucesso. “Contamos com o esforço e determinação de nossa equipe, das entidades, instituições e da comunidade para que nos ajudem a obter os resultados que esperamos. Com o plano, minimizaremos os defeitos epotencializaremos as virtudes transformando Chapecó em um município ainda mais empreendedor, desenvolvido e sustentável”.

CIDADE EMPREENDEDORA

O Programa Cidade Empreendedora foi implantado no início deste ano em Chapecó com o objetivo de planejar, desenvolver, implantar e gerenciar medidas para intensificar o desenvolvimento econômico com aproveitamento das potencialidades locais.

São 34 soluções em vários setores visando atender demandas que incluem a promoção da cultura do empreendedorismo, compras públicas, identificação de oportunidades e reflexão das estratégias que podem ser utilizadas para estruturar políticas públicas de apoio aos pequenos negócios, programa de educação empreendedora, entre outros aspectos.

(Fonte: MB, Comunicação Empresarial/Organizacional)

 

- Parceiro -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, informe seu nome