DEPUTADOS SUSPENDEM DECRETOS DO GOVERNO QUE TRIBUTAVAM PRODUTOS ESSENCIAIS

Com os votos de 35 deputados, o plenário da Assembléia Legislativa, na sessão ordinária de hoje, suspendeu até o dia 31 deste mês, os efeitos de dois decretos do governo que retiravam, desde o dia 1º, incentivos fiscais sobre vários produtos como gás de cozinha, água, carnes de frango e de suínos, outros alimentos básicos e defensivos agrícolas que estavam sendo vendidos com tributação de 17% sobre os preços de mercado e, por consequência, atingindo diretamente o consumidor.

Já pela manhã,  na reunião da Comissão de Finanças, o projeto foi aprovado por unanimidade.

Antes das votações na Comissão de Finanças e, em plenário, o deputado Júlio Garcia, presidente da Assembléia Legislativa, já havia declarado que os decretos do governo causavam prejuízos enormes à economia, aos trabalhadores e  consumidores.

- Parceiro -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, informe seu nome