DEFENSIVOS AGRÍCOLAS: CARLOS MOISÉS CHAMA PRODUTORES DO AGRONEGÓCIO PARA DECIDIR SOBRE TAXAÇÃO DOS DEFENSIVOS

Pronto para sancionar ou vetar o projeto aprovado na Assembléia Legislativa que manteve incentivos fiscais para os produtos agrícolas, como os defensivos com tributação zero, o governador Carlos Moisés decidiu conversar com representantes do setor produtivo.
Vai se reunir amanhã, a uma e meia da tarde na Casa da Agronômica.

Participarão da reunião, que terá ainda, além, do governador, o secretário da Fazenda Paulo Elí, as principais lideranças do agronegócio, como o presidente da FAESC, Federação Catarinense da Agricultura, José Zeferino Pedrozo, que na semana passada, divulgou nota oficial criticando duramente a posição do governador em taxar em 17% os defensivos. Pedrozo disse no comunicado, que o governador apenas estava defendendo uma posição pessoal e sem levar em conta ouvir técnicos e especialistas sobre o uso do defensivo nas lavouras.

As lideranças do agronegócio vão ao encontro com posição definida de não aceitar qualquer tributo sobre os produtos agrícolas. Se o governo insistir em tributar os defensivos, os produtores vão pedir, de novo, aos deputados que derrubem o veto, se houver, do projeto aprovado na semana passada.

- Parceiro -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, informe seu nome