SAQUES DO FGTS: SENADO ALTERA REGRAS E VALOR DO RESGATE VAI A UM SALÁRIO MÍNIMO

Não mais R$500,00 mas R$ 998,00 que é o teto do salário mínimo, o novo valor que os trabalhadores poderão sacar das contas ativas e inativas do FGTS.

Essa decisão, foi aprovada pelo senado que alterou a medida provisória assinada em julho pelo presidente da República quando fixou o valor limite de R$ 500,00 mas, a alteração e os novos direitos dependem agora de sanção pelo presidente Jair Bolsonaro.
As emendas aprovadas no senado não alteraram as datas em que os trabalhadores podem fazer os saques.

Assim, os que nasceram no mês de janeiro terão direito ao saque a partir de 18 de outubro. Os que aniversariam entre fevereiro e março tem a data de resgate a partir de 25 de outubro. Já quem nasceu entre abril e maio ganharam o direito de saques a partir do dia 8 deste mês.

O trabalhador que nasceu no mês de junho ou julho, poderão retirar o dinheiro do fundos a partir de 22 deste mês, bem como os comemoraram aniversário no mês de agosto que terão direito aos saques já no próximo dia 29. ……..Já no mês que vem, no dia 6, os saques estarão abertos para os que nasceram nos meses de setembro e outubro e a partir do dia 18, também de dezembro, os recursos do FGTS estarão disponíveis para os nascidos entre novembro e dezembro.

Se as novas medidas forem sancionadas cpelo presidente da República quem já sacou os R$ 500,00 poderão sacar os R$ 498,00 restantes.
Aqueles que já retiraram os 500 reais previstos pela MP originalmente poderão retirar os 498 reais restantes se a medida for sancionada para o presidente.

Aqueles que já retiraram os 500 reais previstos pela MP originalmente poderão retirar os 498 reais restantes se a medida for sancionada pelo  presidente.

- Parceiro -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, informe seu nome