PROCURADORIA DA REPÚBLICA E MINISTÉRIO PÚBLICO INVESTIGAM GOLPES CONTRA APOSENTADOS

Membros do Ministério Público Federal e do Ministério Público Estadual de Santa Catarina se reuniram para tratar de assuntos relativos às representações contra descontos indevidos em benefícios previdenciários que vêm sendo protocoladas no MPF e também no MP Estadual.

Na reunião, estiveram presentes o procurador da República Carlos Augusto de Amorim Dutra e a promotora de Justiça Analú Librelato Longo, que atuam na área de defesa dos direitos do consumidor. O objetivo do encontro, segundo o procurador, é coordenar ações conjuntas entre MPF e MP/SC contra os empréstimos e outros tipos de descontos que são impropriamente debitados de aposentadorias e demais benefícios da Previdência Social.

Os órgãos da Previdência Social já foram questionados a respeito dos descontos indevidos e estão tomando as medidas que se fazem necessárias, entre outras, a exigência de que qualquer desconto seja precedido de autorização expressa do aposentado ou pensionista. Além disso, está sendo feito levantamento das irregularidades nas financeiras e bancos.

- Parceiro -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, informe seu nome