CORONAVÍRUS: SC SOBE NO RANKING NACIONAL DE ENFRENTAMENTO À DOENÇA

Quadro comparativo da situação do coronavírus entre os estados brasileiros, divulgado  pelo Ministério da Saúde aponta que Santa Catarina, nas últimas 10 semanas, avançou dez posições em relação às demais unidades da federação no enfrentamento à pandemia, significando um ritmo de contágio inferior à média nacional.
Enquanto no Brasil a média é de 264,3 casos por 100 mil habitantes, em Santa Catarina esse número é de 134,8.

O governo catarinense assinala que as medidas adotadas mostram um cenário mais favorável em relação a outros estados, que tiveram um avanço mais rápido da doença. Logo após o primeiro decreto estadual com ações restritivas, ao ser detectado o primeiro caso de transmissão comunitário catarinense, o estado aparecia na 23ª posição no levantamento. Com as medidas adotadas, após mais de dois meses, saltou para a sétima posição.

“O Governo tem atuado desde o início da pandemia para conter a disseminação do novo coronavírus e preservar vidas. Foram medidas difíceis, que exigiram coragem, mas que garantiram esse quadro mais favorável neste momento”, reforça o governador Carlos Moisés.

Além das medidas restritivas balizadas pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), outro ponto importante foi a preparação da rede hospitalar para atendimento dos pacientes. Desde o início da pandemia, o Governo do Estado, por meio da SES, abriu mais de 500 novos leitos de UTI.

“São vagas que foram abertas em todas as regiões do estado para prestar atendimento a esses pacientes. É um trabalho constante do Centro de Operações de Emergência em Saúde (COES) para monitorar e atender a demanda. Nossa luta é para garantir que não existam mais óbitos”, acrescenta o secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro.

- Parceiro -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, informe seu nome