ESTACIONAMENTO ROTATIVO VOLTA A SER COBRADO EM FLORIANÓPOLIS

A partir do dia 24, o sistema de estacionamento rotativo em Florianópolis voltará a ser cobrado. A secretaria Municipal de Mobilidade e Planejamento Urbano de Florianópolis, alerta que os usuários também devem ficar atentos ao tempo de permanência conforme créditos adquiridos.

Conforme contrato emergencial firmado, a Rizzo Parking and Mobility é a empresa responsável pela coordenação do serviço de estacionamento rotativo de Florianópolis, que abrange 2.400 vagas na região central de Florianópolis. No momento, monitores e supervisores estão sendo treinados e estão realizando ações educativas, orientando a população sobre como vai funcionar o serviço. A administração municipal orienta a população a não passar nenhuma informação, dados pessoais ou aceitar qualquer tipo de cobrança de pessoas não identificadas e sem uniforme da empresa Rizzo Parking and Mobility. Usuários que presenciarem qualquer irregularidade podem acionar a Guarda Municipal imediatamente pelo 153.

Quem utilizar o estacionamento pode adquirir esses créditos junto aos monitores da Rizzo Parking and Mobillity; pelo app para Android https://bit.ly/apprizzoparkandroid; e para iOS https://bit.ly/apprizzoparkios; pelo site https://rizzoparking.com.br/florianopolis/ ou nos pontos de venda físicos credenciados. A lista dos estabelecimentos também pode ser acessada pelo site da empresa.

O edital de chamada pública para credenciamento de pontos de venda de tickets e cartão para usuários do estacionamento rotativo está aberto até 5 de janeiro de 2021. A inscrição deve ser feita em duas etapas: o estabelecimento interessado deve realizar um cadastro prévio por meio do formulário eletrônico disponível no link http://espacospublicos.pmf.sc.gov.br/rotativo/pdv.html na aba “Requerimento de Credenciamento”. Em seguida, deve realizar o download e preenchimento da Declaração de cumprimento ao inciso XXXIII do artigo 7º da Constituição Federal e Declaração negativa de vínculo empregatício com órgão ou entidade pública.

A segunda fase consiste na entrega pela empresa interessada, do envelope com a toda a documentação exigida pelo edital, conforme orientações no site. Após habilitação do ponto de venda, deve ocorrer a assinatura do Termo de Credenciamento. Na sequência, após essa formalização, o credenciado terá prazo máximo de 10 dias para disponibilizar a estrutura necessária para que o usuário possa efetuar a compra de créditos para o estacionamento rotativo público de automóveis do município. Caso esse prazo não seja cumprido, o estabelecimento perderá automaticamente a autorização para operação.

- Parceiro -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, informe seu nome