IMPOSTOS: SC REGISTRA ARRECADAÇÃO RECORDE EM OUTUBRO

Com alta de 17,8% em relação ao mesmo período de 2019, o Estado fechou o mês de outubro com uma arrecadação de R$ 2,79 bilhões, considerada a mais expressiva de todos os tempos.

Somente com ICMS, a maior fonte de receita do Estado, foram arrecadados R$ 2,27 bilhões, crescimento de 18,1% em comparação com outubro de 2019.
O secretário da Fazenda, Paulo Eli, lembra que com o resultado Santa Catarina supera as perdas acumuladas entre março e junho. “Em maio, lembrou ele, foi o pior momento da crise, cuja perda ultrapassou 30% da expectativa para o período mas, com a retomada do setor produtivo, no acumulado do ano a alta chega a 1,4%.

Segundo Paulo Elí, um dos motivos para o incremento relevante na arrecadação em outubro foi a redução da carga tributária, especialmente sobre o ICMS que passou, neste ano, de 17% para 12%. E, apesar da crise provocada pela pandemia, a produção catarinense está voltando à normalidade, as indústrias passaram a vender mais e, consequentemente, o Estado arrecadou mais”.

Outra causa, apontada pelo secretário, foi a retomada de diversos setores da economia, que tiveram as atividades reduzidas no período mais crítico da pandemia. “Há ainda segmentos que terão dificuldades para a retomada econômica, como as atividades culturais e de lazer, feiras e eventos, além dos setores ligados a educação, transporte, entre outros.

- Parceiro -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário
Por favor, informe seu nome